Tensegridade

A humanidade é infeliz por ter feito do trabalho um sacrifício e do amor um pecado.

Henrique José de Souza

A Tensegridade, para resumir em poucas palavras, é constituída por um conjunto de ensinamentos e princípios, aliada a poderosas ferramentas e práticas, que têm origem  nos xamãs do antigo México, para nos ajudar a viver uma vida extraordinária.

 

Organizada em sua forma atual por Carlos Castaneda, Carol Tiggs, Taisha Abelar e Florinda Donner-Grau, que durante anos foram treinados nessas práticas por Dom Juan Matus e por seu grupo de xamãs, homens e mulheres herdeiros de uma linhagem de xamãs videntes que diziam existir há muitas gerações. Esse treinamento foi narrado em vários livros escritos por eles, publicados a partir do fim da década 60.

Livros de Carlos Castaneda:

  1. A Erva do Diabo (The Teachings of Don Juan) – copyright 1968;

  2. Uma Estranha Realidade (A Separate Reality) – copyright 1971;

  3. Viagem a Ixtlan (Journey to Ixtlan) – copyright 1972;

  4. Porta para o Infinito (Tales of Power) – copyright 1974;

  5. O Segundo Círculo de Poder (The Second Ring of Power) – copyright 1977;

  6. O Presente da Águia (The Eagle’s Gift) – copyright 1981;

  7. O Fogo Interior (The Fire of Within – copyright 1984;

  8. O Poder do Silêncio (The Power of Silence) – copyright 1987;

  9. A Arte de Sonhar (The Art of Dreaming) – copyright 1993;

  10. Passes Mágicos (Magical Passes) – copyright 1998;

  11. A Roda do Tempo (The Wheel of Time) – copyright 1998;

  12. O Lado Ativo do Infinito (The Active Side of Infinity) – copyright 1998.

Livros de Florinda Donner-Grau:

Shabono – copyright 1982

Sonhos Lúcidos (Being-in-dreaming) – copyright 1991

A Bruxa e a Arte de Sonhar (The Witch’s Dream) – copyright 1998

 

Livro de Taisha Abelar:

A Travessia das Feiticeiras (The Sorcerers' Crossing) - copyright 1992

Depois disso Carlos e suas parceiras dedicaram mais alguns anos de suas vidas para resgatar, codificar e contextualizar os conhecimentos e práticas recebidos, de uma forma que fosse adequada para ser entendida e praticada por qualquer pessoa.

Atualmente a Tensegridade é conduzida pela Cleargreen (castaneda.com), empresa criada por Carlos Castaneda para essa finalidade, responsável a nível mundial pela promoção, divulgação e treinamento de Facilitadores.

 

Dentre os ensinamentos da Tensegridade existem dois que são fundamentais porque são a base sobre a qual assentam todas as práticas, conceitos e princípios:

1- A natureza do universo é energia:

O primeiro deles, que vem se popularizando com a física quântica e que a ciência vem descobrindo cada vez mais, é que o universo é feito de pura energia. Os xamãs que viviam no México antigo eram capazes de feitos extraordinários que ultrapassam a nossa cognição normal. Um desses feitos era a capacidade de “ver” a energia diretamente, sem a interpretação dos nossos sentidos. Dessa forma eles “viram” que o universo como um todo é composto por campos energéticos na forma de filamentos luminosos. Eles “viram” milhões deles, onde quer que se virassem para “ver”. Também “viram” que esses campos energéticos se organizam em correntes de fibras luminosas, fluxos que são constantes forças no universo. Em virtude da nossa consciência nós pensamos que há um mundo de objetos lá fora, mas o que realmente há são as emanações da energia, fluidas, sempre em movimento, inalteráveis e eternas, regendo as nossas vidas.

Inúmeras filosofias relatam essa verdade!

2- A natureza humana também é energia:

Através do seu “ver” os xamãs descreviam o ser humano como um conglomerado de campos de energia que dá a total impressão de uma esfera bem definida de luminosidade. Segundo eles a vida se forma quando uma porção de energia livre do Infinito é encapsulada por uma força externa, convertendo-se em um novo ser individual, consciente de si mesmo. Nesse sentido, a energia é descrita pelos xamãs como uma vibração que se aglutina em unidades coesivas, ficando conectadas como contas de um rosário aos feixes de energia que existem no universo.

A esfera de luminosidade do ser humano que os antigos xamãs “viam” é composta de inúmeros vórtices de energia, desde extremamente diminutos até muito grandes. Entre os grandes vórtices existem seis que são muito utilizados na Tensegridade, chamados Centros de Vitalidade.

Porém, a energia que temos em nossa esfera de luz é gasta quase que totalmente pelas atividades de nossa vida cotidiana: o trabalho, a casa, os filhos, a vida social, as mídias, a escola, pouco sobrando para nossos projetos pessoais, que muitas vezes permanecem engavetados em nossos sonhos.

E assim a vida vai passando sem mudanças, sempre no mesmo cenário, o mundo vai nos dando cada vez mais do mesmo, do mesmo, mais e mais acelerado e impaciente e os anos vão se perpetuando em uma desconfortável zona de conforto, quando a velhice nos abre os olhos já é tarde demais, as batidas do coração sobressaltado vão errando o compasso e tudo termina.

Queremos mais, não é? E podemos mais, sabia? Não é tão difícil! Mudar a direção de nossas vidas é possível, aqui e agora, porque temos em nós tudo o que precisamos, bastando fazer uso!

As práticas da Tensegridade podem nos ajudar nessa empreitada, trazendo à luz um potencial que sequer imaginamos ter. Assim vamos poder caminhar pelo mundo melhor equipados, recebendo guia e conselho, com um passo mais amável, leve e fluido, tomando decisões mais inteligentes, decisões práticas do dia a dia como, por exemplo: Será conveniente mudar de cidade?; Esse novo negócio me interessa?; Convido essa pessoa para sair comigo? Será que vou por este caminho? etc.

Quando temos energia e ouvimos nosso coração passamos a ter mais consideração pelo outro ao invés de só pensar em nós, assim nossas relações com familiares e pessoas ao redor tendem a melhorar. Nos damos conta que o mundo é um lugar seguro e que a vida nos sustenta e apoia para conseguir o que queremos.

Destacamos aqui algumas das práticas de Tensegridade que são usadas para esse fim:

Os Passes Mágicos:

Exercícios físicos e respiratórios que redistribuem a energia em nosso campo de luz de tal forma que começamos a nos sentir com mais vitalidade e vontade de viver e a mudar a forma com que percebemos o mundo de todos os dias. Esse efeito quando em grupo é muito mais poderoso e efetivo porque é intensificado pela intenção e energia reunida de todos.

Somos poderosos e não sabemos!

A Recapitulação:

Com o auxílio da respiração fazemos uma revisão dos eventos em nossa vida, identificando padrões repetitivos, hábitos negativos, onde deixamos nossa energia. A revisão destes padrões nos permite deixar de repeti-los, resolve-los e recuperar a energia gasta.

A Recapitulação não é um trabalho de análise psicológica ou de terapia de nenhum tipo, é um trabalho com a energia, é uma limpeza energética. Tudo o que fazemos neste mundo gera algum tipo de toxina, física, emocional ou mental,

daí a importância de se fazer isso.

O Sonhar:

É a arte de reconhecer novas oportunidades e trabalhar com o nosso interior psíquico – nossa bússola interna ligada à inteligência do Infinito – trazendo essas possibilidades para a nossa existência. Com a nossa intenção e vontade movemos a energia do universo a nosso favor;

O Silêncio Mental:

Este é um trabalho importante de se fazer diariamente com um intento inflexível para consegui-lo. Cultivamos o silêncio interno em nossa vida quando, por exemplo, deixamos de julgar os demais e calamos nossa mente ao interagir com as pessoas, podendo assim sentir sua essência mais facilmente, etc.

 

Ao recuperar sua energia e usá-la de forma inteligente você vai conquistar a integridade de si mesmo, tornando-se verdadeiramente um adulto, descobrindo em si uma pessoa que nunca conheceu, podendo descobrir, por exemplo a essência energética do universo ou o seu papel como parte do planeta Terra ou porque veio a este mundo. Acontece uma reavaliação de valores e vai se abrindo uma série de novos sentimentos e percepções que a maioria das pessoas desconhece. O mundo não será mais o mesmo!

 

Alguns dos seus benefícios são:

Aumentar a vitalidade;

Dar mais disposição e energia para o dia-a-dia;

Melhorar o equilíbrio;

Aumentar a concentração;

Diminuir ou eliminar dores e tensão muscular;

Melhorar a flexibilidade das articulações;

Aliviar o estresse e combater a depressão e a ansiedade;

Equilibrar as emoções;

Estimular o sistema nervoso e imunológico;

Desenvolver a consciência corporal;

Aumentar o bem-estar, a serenidade e a tranquilidade;

Relaxamento físico e mental.

E muito mais!

Grupos

A Tensegridade pode ser praticada individualmente ou em grupo, ou ambos, ficando por conta de cada um decidir a forma que melhor atende suas necessidades. Os benefícios da prática individual e em grupo são diferentes e é interessante que cada um observe as razões pelas quais escolhe um ou outro.

 

Em sua prática individual você pode encontrar seu próprio ritmo, fazer as práticas do seu jeito e no seu tempo e observar quão confortável ou desconfortável se sente em certos movimentos ou sequências.

A prática em grupo é benéfica porque permite a criação de um consenso de movimento e a oportunidade de aprender novos movimentos com aqueles mais experientes. Também porque quanto maior o número de participantes em uma prática ou seminário mais fácil fica para absorver o que é ensinado, seja por meio do intelecto ou sinestésico, devido ao efeito de “massa”, o que também ajuda a obter o “silêncio interno”, um dos efeitos dos passes mágicos. Trabalhar em grupo acelera o seu ritmo, pois é mais fácil ver nos outros o que você não consegue ver em si mesmo.

Rua José Loureiro, 603 - Edificio Park Avenue - Centro - Curitiba / Paraná / Brasil

© 2018 por Metamorphösis – Arte e Movimento. Orgulhosamente criado por Wix.com