Benefícios e Usos da Dança Circular

Atualizado: 29 de Ago de 2019



É exatamente por sua diversidade e possibilidades de uso que a Dança Circular é privilegiada!


Unindo a beleza e harmonia da música ao prazer do movimento da dança, permite acessar e desenvolver aspectos da personalidade de forma prazerosa, ajustando emoções, organizando e educando pensamentos e sentimentos e auxiliando na formação de indivíduos mais saudáveis.


Desperta a musicalidade, facilitando o desenvolvimento da consciência corporal, da consciência rítmica e coordenação motora, permitindo ao corpo um movimento mais ritmado, leve e flexível.


Amplia a percepção, a atenção, a concentração e a noção de lateralidade. Estimula a memória, o autocontrole e o desembaraço.


Ajuda a combater o stress, o cansaço mental, a depressão, a sensibilizar, harmonizar, socializar, resgatar valores humanos, desenvolver o senso de organização coletiva, cooperação e sentimento fraterno, sendo um ótimo instrumento de trabalho para quem atua com grupo de pessoas, como escolas, empresas, associações, etc.


O fator prazer também ajuda. A alegria da música, a animação do grupo e o fato de não ser preciso sofrer para atingir um determinado objetivo, colaboram para aumentar a produção de hormônios ligados à sensação de bem-estar, como por exemplo, as endorfinas. E claro, também há um considerável trabalho aeróbico que, além de estimular as endorfinas, aumenta a capacidade cardiorrespiratória, queima calorias e ajuda no controle da pressão arterial, entre outras coisas.


A Dança Circular trabalha o aspecto social do grupo, fazendo com que todos sintam a sua identidade com os demais. É ideal para pessoas tímidas, pois ela fica menos exposta já que a prática é feita em grupo.


Já no que se refere à aplicação das danças circulares, o campo é vasto e qualquer pessoa, de qualquer idade, pode dançar em uma Roda. Não é preciso ter experiência anterior em dança, não há necessidade de se ter um par, basta ter vontade, querer entrar em contato com a alegria e com a possibilidade de comunhão entre as pessoas ou apenas gostar de se divertir.


Esse tipo de dança é um ótimo instrumento para quem trabalha com pessoas ou grupos de pessoas. O círculo potencializa a solidariedade e igualdade entre os participantes, na roda não existe hierarquia e as atitudes de competição são substituídas por atitudes cooperativas, onde os participantes podem ajudar a superar os erros uns dos outros, manifestando o melhor de cada um.


Nas escolas, a dança circular tem inúmeras possibilidades de uso, como por exemplo, servindo de apoio ao ensino das matérias regulamentares. O caráter lúdico e prazeroso da dança, unido à beleza e encantamento da música, vai ao encontro das necessidades de jovens e adolescentes que, nessa faixa etária, estão construindo o seu lugar no mundo e experimentam um sentimento de insegurança próprio da falta de experiência de vida, que a dança supre em função do seu aspecto inclusivo e democrático, acolhendo a todos, extrovertidos e tímidos, sabendo dançar ou não.


Também serve como porta de entrada para o aprendizado de outras danças e como meio de interação entre professores e alunos ou como lazer para professores, pedagogos, diretores, funcionários e pais de alunos.


Nas empresas, que gastam muito com afastamentos de trabalhadores por problemas de saúde, podem ser utilizadas entre pausas de palestras e reuniões, desenvolvendo o senso de organização coletiva e cooperação, diminuindo o estresse, a ansiedade e formando equipes mais atentas e produtivas.


Para as pessoas idosas também é interessante oferecer mais esta opção de atividade e lazer. Sabe-se que atualmente o crescimento populacional de idosos vem se apresentando de forma acelerada em todas as partes do mundo, demandando assim projetos e atividades específicos para esta idade.

Pesquisas recentes comprovam que para os mais velhos dançar, além de aumentar a autonomia e dar mais segurança aos movimentos, facilita o desenvolvimento da coordenação motora, da lateralidade, memória e concentração, favorece o convívio social melhorando a autoestima e dando mais vontade de viver.


Pode ainda ser utilizada, obtendo-se bons resultados, com portadores do mal de Parkinson, crianças especiais e com dependentes químicos.


Para quem já teve a oportunidade de conhecer e participar de um círculo de Dança Circular sabe que basta entrar na roda para que tudo isso aconteça naturalmente. A roda é um facilitador!


...voltar para Dança Circular


83 visualizações

Rua José Loureiro, 603 - Edificio Park Avenue - Centro - Curitiba / Paraná / Brasil

© 2018 por Metamorphösis – Arte e Movimento. Orgulhosamente criado por Wix.com